Click na imagem para acessar o site

Click na imagem para acessar o site
click na imagem para acessar o site
"Trabalhadores e trabalhadoras, uni-vos contra a tirania, mas uni-vos sobretudo contra a inércia que se torna coadjuvante da opressão"

Vladimir Maiakovski - operário, poeta e revolucionário soviético.



sábado, 28 de janeiro de 2012

ELEIÇÃO SINDICAL NO PARANÁ

DISPUTA ENTRE CUT E FORÇA SINDICAL

APESAR DE TODOS OS METODOS UTILIZADOS PELA FORÇA SINDICAL CHAPA DA CUT VENCE ELEIÇÃO SINDICAL EM CARAMBEÍ (PR).

CHAPA DA FORÇA SINDICAL FOI APOIADA PELA BRF (PERDIGÃO) ATÉ O ÚLTIMO MPOMENTO DO PROCESSO ELEITORAL.

FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DE ALIMENTAÇÃO DO PARANÁ (FTIA PR - CUT) DEMONSTROU CAPACIDADE DE MOBILIZAÇÃO E DERROTOU NOVAMENTE FEDERAÇÃO ADVERSÁRIA LIGADA A FORÇA SINDICAL.

Rui Amaro Gil Marques
Direto de Carambeí, Campos Gerais - Paraná.


Num processo eleitoral tumultuado pela Força Sindical que contou com o apoio explicito da empresa BRF (antiga Perdigão) a chapa Alimentando a Luta – CUT foi reeleita para mais 05 anos de administração a frente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Carnes e Congelados, Laticínios e Derivados, Rações Balanceadas e Derivados e de Alimentação de Castro/Carambeí (SINTAC).

A eleição aconteceu nos dias 24 e 25 últimos e desde o inicio a oposição, composta por chefes, encarregados e ex-diretores do sindicato, apoiada pela empresa e pela Força Sindical e Sindicato dos Metalúrgicos de Curitiba e Região Metropolitana, tentou melar o processo eleitoral.

Inscrição das Chapas

A chapa da Força Sindical não conseguiu a sua inscrição por várias irregularidades, entre elas a presença de pessoas sem o tempo de filiação sindical e de trabalho na categoria exigidos pelo Estatuto do sindicato. Também tiveram a sua inscrição indeferida ex-diretores do sindicato que haviam tido o seu mandato cassado por condutas anti-sindicais e que não podem mais participar do SINTAC.

Convocados pela Comissão Eleitoral para resolver essas questões os representantes da chapa da FS se recusaram a atender as solicitações encaminhadas preferindo buscar na Justiça do Trabalho uma decisão que lhes fosse favorável sem levar em conta as regras impostas pelo Estatuto da entidade que pretendiam disputar.

Decisões da Justiça

Na Justiça do Trabalho a FS conseguiu com que fosse aberto novo prazo para a inscrição de sua chapa. Mas mesmo assim ela não fez as adequações exigidas pelo Estatuto do SINTAC e ainda perdeu o prazo para se inscrever uma vez que não conseguiu o número mínimo de membros para participar da disputa eleitoral.

A Comissão Eleitoral através do depto. Jurídico do sindicato conseguiu demonstrar na Justiça do Trabalho que os argumentos apresentados pela Força Sindical eram falsos e que, de acordo com as regras estatutárias, não poderiam inscrever a sua chapa devido as irregularidades constatadas. Desta forma a própria Justiça do Trabalho manteve a decisão da Comissão Eleitoral e ordenou o prosseguimento do processo eleitoral.


Pressão, truculência e ameaças

Tendo perdido na Justiça do Trabalho a FS passou a pressionar os trabalhadores e trabalhadoras da BRF (antiga Perdigão) para não irem votar para que o quorum necessário não fosse alcançado. O que reabriria o processo eleitoral dando-lhes nova oportunidade para se inscrever.

Em cima de um caminhão de som estacionado em frente à empresa diretores do Sindicato dos Metalúrgicos de Curitiba e da Força Sindical ameaçaram os membros da Chapa cutista e os trabalhadores que demonstrassem simpatia pela atual direção do sindicato.

O clima era tenso e somente com a presença de um forte destacamento policial foi que a coleta dos votos pode prosseguir com segurança e normalidade.


Vitória dos Trabalhadores!

Ao final da apuração dos votos a chapa apoiada pela CUT e pela FTIA PR obteve 486 votos de um total de cerca de 800 eleitores aptos a votar. A Força Sindical prometeu recorrer à Justiça mais uma vez para tentar anular o processo eleitoral.

Um comentário:

  1. Caro Rui, conversando com uma amiga, hoje no facebook. Comentei que a cada dia estava ficando menos comunista e simpatizando com o anarquismo, então ela me passou este link, gostei!
    Encontrei aqui situações muito similares a que estou passando, a história é um pouco longa, mas se você se interessar de uma olhada no blog que fiz depois que o Sindicato dos Gráficos de São Paulo foi invadido pelo paulinho da força.
    Tudo está registrado em vídeo, só não postei ainda, um áudio com ameaça de morte a mim do próprio picareta paulinho.

    ResponderExcluir

AÇÃO DIRETA

AÇÃO DIRETA
O vermelho é o nosso sangue derramado e o preto o nosso luto por aqueles que tomabaram na luta.

Marcadores