Click na imagem para acessar o site

Click na imagem para acessar o site
click na imagem para acessar o site
"Trabalhadores e trabalhadoras, uni-vos contra a tirania, mas uni-vos sobretudo contra a inércia que se torna coadjuvante da opressão"

Vladimir Maiakovski - operário, poeta e revolucionário soviético.



quinta-feira, 14 de outubro de 2010

BISCOITOS NAGA, DE UMUARAMA, ENGANA TRABALHADORES E NÃO PAGA SALÁRIOS.


PILANTRAGEM

Proprietário da empresa Biscoitos Naga, de Umuarama (PR), não cumpre legislação trabalhista, engana trabalhadores e não paga salários.


Trabalhadores e trabalhadoras são prejudicados sistematicamente pelo empresário Agnaldo Ribeiro Junior que ainda ameaça aqueles (as) que buscam os seus direitos na Justiça ou se rebelam contra seus desmandos.


Rui Amaro Gil Marques
Assessor de Comunicação da FTIA e Sindicatos filiados
De Umuarama (PR).


O proprietário da empresa Biscoitos Naga, do município paranaense de Umuarama (noroeste do estado), Agnaldo Ribeiro Junior, vem sistematicamente desrespeitando os direitos trabalhistas dos 200 funcionários (as) de sua empresa.

Além de se recusar a cumprir o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) firmado com o Sindicato dos Empregados nas Indústrias de Alimentação de Umuarama (SEIA), Agnaldo Ribeiro Junior não deposita o Fundo de Garantia (FGTS) e ainda se apropria dos descontos efetuados na folha de pagamento que deveriam ser creditados à entidade sindical e à seguradora responsável pela cobertura do seguro de vida dos trabalhadores (as).

Em janeiro deste ano os trabalhadores (as) decidiram por entrar em greve para pressionar o empresário a pagar os salários que estavam atrasados, na época, há quase 04 meses, 13º salário e os depósitos do FGTS.

A greve só terminou depois que Agnaldo se comprometeu com a entidade sindical local e com a Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação do Paraná (FTIA) em realizar os pagamentos devidos aos trabalhadores e passar a pagar os salários estipulados pelo Acordo Coletivo.

Infelizmente para os trabalhadores (as) passados cerca de 10 meses Agnaldo Ribeiro Junior voltou a agir da mesma maneira. O que obrigou os funcionários (as) de sua empresa de biscoitos a realizar uma nova paralisação a partir desta terça-feira (12).

O sindicato local pressionado pelos trabalhadores (as) esta dando apoio jurídico ao movimento grevista. A Federação enviou pessoal de apoio para pressionar Agnaldo a efetuar o pagamento de pelo menos uma parte dos salários atrasados (agosto, setembro e outubro) bem como 50% do 13º salário que os trabalhadores ainda não receberam.

Segundo informações de alguns funcionários a empresa esta há 1 ano e 6 meses sem depositar o FGTS dos trabalhadores.

Para piorar a situação Agnaldo vem pressionando os trabalhadores para que desistam de entrar com ações trabalhistas contra a sua empresa. Além da Biscoitos Naga Agnaldo é proprietário de outras duas empresas do ramo de alimentos na região; Santa Gema e Carpeline.

Agnaldo alega que os atrasos se devem a situação de crise financeira que atingiu a sua empresa. Os funcionários afirmam que Agnaldo teve parte do seu patrimônio bloqueado pela Justiça devido a sonegação de impostos estaduais e federais.

5 comentários:

  1. Oi Rui,
    Sabe me dizer como está a empresa hoje, depois de 2 anos do ocorrido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo que estou sabendo grande parte do patrimônio do cara se encontra em nome da mulher dele e ela não tem vínculo social com as empresas do marido, ou seja, golpe puro e simples.

      Excluir
  2. Rui,os golpes não pararam,agora fazem depositos de salario ficticio...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me explica esse negócio de depósito de salário fictício? Preciso de saber tudo para ver o que pode ser feito. Aguardo a sua resposta.

      Excluir
  3. ola rui,aqui na regiao tiveram varios casos de depositos ficticios... o meu caso ja foi o seguinte,trabalhei por quase dois meses para esses vagabundos,eu era vendedora externa,usei meu carro e recursos proprios para me manter na estrada e me locomover,por entre as mais de 20 cidades que eu atendia representando os biscoitos mais ruins do mundo. quando o gerente de vendas um tal anderson s... me pediu para ajuda-lo e atender os mercados como promotora/repositora,ajudei-os,ate que em determinado momento acabei me machucando em um estoque carregando caixas daqueles biscoitos horriveis... pedi minha demissao e apos 15 dias da mesma,veio ate mim esse tal gerente de vendas com os papeis para mim assinar,assinei tudo esperando o dito deposito em minha conta corrente no b itau,ate agora nada,afirmam que me pagaram em maos... esse pessoal deveriam ir para o xadrez mesmo..

    ResponderExcluir

AÇÃO DIRETA

AÇÃO DIRETA
O vermelho é o nosso sangue derramado e o preto o nosso luto por aqueles que tomabaram na luta.

Marcadores